Prezado leitor,
É permitida a utilização do conteúdo desse site, desde que citada a fonte.
Para isso, leia as regras aqui e preencha o cadastro em anexo.

Configuração mínima necessária:
Internet Explorer 7 ou Firefox 3
Resolução: 1024x768

Conheça a nossa página no Facebook Conheça a nossa página no Twitter

Entenda o seguro de vida

Dicas

• Cuidando dos dependentes

• Evite transtornos desnecessários

• Em que momento eu devo rever as condições contratadas na minha apólice?

• Resumo de cuidados fundamentais na compra do seguro

• Legislação que se aplica ao seguro de vida

• Modelo simplificado para calcular o valor da indenização

 

Cuidando dos dependentes

Você faz um seguro de vida para reduzir os impactos financeiros negativos que podem surgir devido à ocorrência de infortúnio, dando condições para que seus familiares/dependentes possam se reestruturar financeiramente após a sua perda.

O seu desvelo pode vir por água abaixo, se seus dependentes (beneficiários) desconhecerem que você fez esses seguros, em que condições foram contratados, onde os documentos estão guardados e como deverão agir no caso de terem que solicitar a indenização. Tudo Sobre Seguros indica o caminho a percorrer.

Topo 

Evite transtornos desnecessários

Cultivar hábitos de vida saudáveis é uma das melhores maneiras de preparar um futuro tranquilo. Informações para ajudar nessa conquista são encontradas em abundância nos jornais, televisão, internet, revistas, clínicas e profissionais especializados.

Ter uma vida saudável, no entanto, não é das tarefas mais fáceis. Para alcançar o que especialistas classificam como ideal de saúde é preciso combinar diversos fatores, como alimentação equilibrada, atividade física frequente e prevenção de doenças. Por outro lado, a combinação da falta de tempo com o estresse gera desânimo até mesmo na iniciativa de quem deseja mudar seu estilo de vida.

Hábitos saudáveis são bem vindos e melhores ainda quando aliados ao planejamento financeiro do provedor da família. Se você avaliou que o seguro de vida é necessário para garantir a segurança financeira dos seus dependentes por um determinado tempo, caso você fique impedido de continuar a sustentar as despesas da família, é preciso cuidar de alguns aspectos que, à primeira vista, pareceriam descabidos de tão óbvios que são.

Mas na prática, não é bem assim. Seria cômico se não fosse trágico uma pessoa comprar esse tipo de seguro e quando a família mais precisasse dele, desconhecesse sua existência ou não soubesse qual é a seguradora, onde a apólice e os comprovantes de pagamento estariam guardados. Por precaução, faça pelo menos duas cópias desses documentos e guarde-as em lugares diferentes, informando a localização a seus familiares.

Tudo Sobre Seguros fornece abaixo os principais cuidados a serem tomados para evitar transtornos dispensáveis.

Relacione e coloque a data, num papel à parte ou num arquivo do seu computador (com backup), as seguintes informações para cada seguro de vida que tiver:

 

Apólices individuais

• Nome, telefone e endereço completos do corretor que vendeu o seguro

• Nome, telefone e endereço completos da seguradora

• Nome e endereço completos da holding (controladora) da seguradora, caso pertença a um grupo empresarial.

• Número da sua apólice

• Data de emissão da apólice

• Valor da indenização de cada uma das coberturas que você contratou

• Tipo de apólice

• Localização do original da apólice

 

Apólices coletivas ou em grupo

• Nome, telefone e endereço completos da empresa, sindicato, clube ou associação que contratou os seguros.

• Endereço completo e telefone do escritório e da pessoa responsável pela administração desses seguros, destacada para receber a comunicação de eventual sinistro.

• Número do certificado individual

• Valor da indenização de cada uma das coberturas;

 

Cartões de crédito e financiamentos associados a seguro de vida quitam suas dívidas no caso de morte (seguro prestamista)

Para cada um desses benefícios destinados ao pagamento de débitos, você deve relacionar:

• nome completo da instituição financeira ou da empresa na qual você fez um financiamento;

• valor do empréstimo, finalidade, prazo e condições de pagamento, data da contratação e valor contratado;

• compras feitas no cartão de crédito, parceladas ou não;

• nome e telefone da pessoa ou escritório para ser contatado, caso seja necessário comunicar um sinistro; e

• número da apólice do seguro de vida que dá cobertura à quitação de dívidas e financiamentos.

Topo 

Em que momento eu devo rever as condições contratadas na minha apólice?

Você deve rever todas as suas necessidades de seu seguro de vida, pelo menos, uma vez por ano. Se tiver grandes mudanças no seu estilo de vida, você deve contatar seu corretor ou seguradora. Essas mudanças podem ter um impacto expressivo na avaliação do que você precisa garantir nos seguros contratados. Entre as modificações a serem levadas em conta, Tudo Sobre Seguros destaca:

• casamento ou divórcio;

• nascimento de filho, neto ou adoção de uma criança;

• alterações significativas no seu estado de saúde ou de seu cônjuge ou companheiro (a);

• responsabilidade para o sustento de pais idosos;

• compra de uma nova casa;

• necessidade de contratar cuidadores e serviços de atendimento domiciliar para pessoas próximas, que dependem financeiramente de você; e

• recebimento de uma herança.

Topo 

Resumo de cuidados fundamentais na compra do seguro

• Procure um corretor habilitado e competente e uma seguradora devidamente regularizada. Você pode conferir esses dados no site da Susep.

• Peça ao seu corretor uma pesquisa de preços e condições de contratação das coberturas (riscos cobertos e excluídos, período de carência, etc.).

• Depois de ouvir todas as vantagens que um determinado plano oferece, peça uma cópia das condições gerais do plano de seguro e do contrato (em caso de plano coletivo) – antes de assinar a proposta.

• Leia com atenção todas as cláusulas e certifique-se das restrições, que obrigatoriamente devem vir com destaque em relação ao restante do texto.

• A apólice é o documento emitido pela seguradora que formaliza a aceitação da cobertura solicitada por você nos planos individuais ou pelo representante de um grupo (estipulante) nos planos coletivos.

• As condições gerais são definidas como o conjunto de cláusulas que regem um mesmo plano de seguro, definindo obrigações e direitos da seguradora, dos segurados, dos beneficiários e, no caso de plano coletivo, também do estipulante.

• Procure saber quais são os chamados “riscos excluídos” da sua apólice.

• Verifique as condições da renovação do seguro, valores dos prêmios ou taxas em função da idade.

• Você poderá ter o seu seguro cancelado caso não comunique à seguradora modificação em qualquer risco previsto na apólice, que altere as condições de garantia de indenização.

• Exija que conste das “Condições particulares” de sua apólice todas as negociações diferenciadas, se houver.

• Quando decidir assinar o contrato, preste informações corretas e honestas na declaração pessoal de saúde. Não permita que alguém a preencha no seu lugar, nem mesmo o corretor. Essa é uma atribuição exclusivamente sua.

• Algumas doenças não são cobertas de maneira alguma pela maioria das seguradoras. Em casos específicos, no entanto, a seguradora pode calcular o prêmio de acordo com a gravidade do caso. Por isso, não aceite sugestões para omitir fatos dessa natureza na declaração de saúde, o que poderá custar a recusa do pagamento da indenização.

• Fique atento aos prazos de vencimento do sprêmios.

• Preste atenção aos períodos de carência.

• Verifique o índice e os critérios para atualização dos valores dos prêmios e do capital segurado.

• Confira se nas “condições gerais” do plano de seguro são previstas cláusulas de suspensão, reabilitação e cancelamento e em que condições serão aplicadas.

• No caso de seguros coletivos ou em grupo, peça uma cópia da apólice e do contrato ao representante da empresa, sindicato, clube ou associação que fez o contrato com a seguradora. 

Legislação que se aplica ao seguro de vida

Código Civil - Lei nº 10.406/2002
Código de Defesa do Consumidor- Lei nº 8.078/1990
Resolução CNSP nº 117/2004
Circular Susep nº 302/2005
Resolução CNSP nº 103/2004 e Anexo I
Circular Susep nº 255/2004
e Anexo I

Topo 

 Faça um cálculo simplificado do valor necessário de indenização do seguro de vida X

 

Topo