Dicas – Transporte


Paradas em locais não autorizados previamente pelas empresas

As paradas em acostamentos das rodovias só devem ser feitas em situações de emergência, em locais devidamente sinalizados e mediante informação imediata à empresa.

Ao parar, por emergência, em local não autorizado, é necessário evitar lugares ermos ou pouco movimentados. Os motoristas devem procurar administrar a viagem para terem autonomia de percurso até o ponto autorizado e preestabelecido para a rota, e avisar a empresa sobre todas as paradas durante o percurso.

 


Carona

A carona é proibida, por lei, no transporte de cargas, pois os motoristas não devem expor terceiros aos riscos das operações. As empresas devem adotar medidas disciplinares rigorosas, caso essa norma não seja cumprida.

 


Não abandonar ou afastar-se do veículo durante as refeições e o abastecimento

O motorista não pode ceder a ninguém a guarda do veículo e dos equipamentos sob sua responsabilidade. Deve lembrar-se de que é depositário de patrimônio de terceiros e tomar as precauções para manter a integridade dos bens e mercadorias que transporta.

 


Não viajar em período noturno

A viagem noturna deve ser evitada. Além de os reflexos do motorista diminuírem, os riscos aumentam devido à precariedade maior da estrutura de apoio público nesse horário.

 

 


Evitar comentários a viagem, percurso e carga

São informações sigilosas, que só dizem respeito aos envolvidos nas operações. É condição de risco chamar a atenção para as cargas transportadas.

Advertisements

 


Antes de entrar no veículo verificar o ambiente externo

O objetivo dessa preocupação é evitar que o motorista seja abordado por um assaltante, por estar distraído. A checagem também pode apurar se o veículo foi marcado para ser seguido.

 


Acondicionamento das cargas

Medidas preventivas para o melhor acondicionamento das cargas devem ser adotadas e também com o propósito de evitar riscos durante a viagem.

 


Dicas para as empresas:

Seleção de motoristas

Motoristas sem grande experiência devem ser contratados para trajetos mais curtos, com carga de menor valor. A seleção deve envolver também aspectos sociais e psicológicos dos candidatos para verificar, por exemplo, reação à solidão e a situações de risco.

Treinamento

Os motoristas devem passar por treinamentos e reciclagens, com informações atualizadas sobre acidentes e roubos de carga.

Sistema de premiação

Pode-se criar um sistema de premiação para os motoristas, baseado no tempo sem acidentes e/ou quilometragem percorrida sem adiantamentos ou atrasos, ou conduta à direção que resultou em redução do valor do seguro.

Gerenciamento de riscos

Esta é uma atividade que deve envolver todo o quadro de funcionários da empresa. Cada um deve ser conscientizado de suas atribuições no processo e resultados.